Toda a gente aguarda, espera…toda a gente percorre um caminho, mas nem toda a gente sabe onde vai. Parar? resistir de se deslocar aos encontrões arrastado por quem caminha aparentemente com sentido, ou seguir… com rumo de marés de gente…com rumo de caminho feito por outros, pelo qual nem sequer caminhas, segues apenas levantado do chão pela multidão que insiste em te levar sem sequer te olhar para o rosto…