Lembra-te de mim

image

Podia ser uma gota do orvalho da manhã, mas é apenas uma lágrima.

o que cabe dentro de uma lágrima?

Dentro de uma lágrima cabe uma vida inteira , um universo, uma vida que não chegou a ser vivida, um desconhecido inteiro de sonhos e intenções e emoções, interacções que se limitam a uma gota de água salgada, minuscula, que escorre na geografia da face e se perde, limitada pela lei da gravidade.

Que minúsculas que são e ainda assim a sua grandeza esconde dores invisíveis, monstros atormentadores, finais de princípios que não chegaram a ter um fim

quando me for, quero ser uma minúscula lágrima tua, que carregue no ventre toda a felicidade que ainda consegues distinguir em mim. Quero que me guardes nessas minúsculas amostras da imensidão do oceano, que separa terra firme e nos ensina que toda a tristeza terá um fim. Livra-te do peso que tens a mais e solta livre a água dos olhos, por onde a tristeza encontra o caminho, desde as profundezas que nos enforma até à superfície que nos deforma

E lembra-te de mim…