Memórias

Ausências

" Não há tempo morto. Nem há falta de tempo. Há o tempo e a ausência de tempo. O tempo é vida. A ausência de tempo é morte. Nós temos um intervalo entre nascer e morrer. Só um. Só um intervalo. Só um tempo. Só uma vida. Não somos obrigados a abraçá-la. Podemos até não ligar… Continue reading Ausências

Anúncios