a educação ao próximo, Ser

Sigur

Gostava que estivesses lá, que tivesses visto como é diferente ( esqueço-me que deves saber como é) . É nos rostos que sentimos a diferença, sobretudo. Na calma, nos movimentos ordeiros. Estou saturada de gritos, cansada... das insuficiências de quem nada lhes basta, quando me sei bastar com tão pouco de bom Saí de chapéu… Continue reading Sigur

Anúncios
Memórias, palavras

Era pequena, tão pequena que aos olhos só lhe chegava a luz das cinzas que aqueciam o fundo da bilha, cheia de pequenos orifícios por onde se ouvia o sal estoirar. Tudo o resto ficava acima do seu campo de visão, como se fosse um outro lugar, uma outra dimensão das coisas. Queres castanhas? Acenou… Continue reading