Cantos da terra

Chove, digo

Caem pingos de saudades do céu , dizes-me

E eu olho o firmamento com outros olhos, como se num rompante, o cinzento que parecia desabar na minha cabeça se transformasse em nuvens de esperança, que voam na minha direcção, prontas para me cobrir com a gabardine do teu conforto

É lindo ver uma nuvem beijar o céu e transpirar saudade não é ?

Tudo no teu mundo é lindo, desde que me ensines a vê-lo com o teu olhar…