Onde estavas tu? 

Sou a ” Maria das frases feitas” utilizo-as geralmente de forma irónica ou humorista “parafraseando” alguém ou alguma expressão que me ficou no ouvido. Pensado bem, talvez sejamos todos um pouco assim, porque só assim se explicam as “modas” de determinadas expressões. Partindo daqui, a expressão onde estavas tu ( originalmente no 25 de Abril de 74) de um sketch , se não me engano, do Herman José é uma das frases que uso muito. Hoje lembrei-me, onde estaria eu no 27 de Setembro do ano passado? 

Gosto de listas.Utilizo-as para tudo, para saber o que é importante fazer e quando, para saber o que me falta, para me lembrar do que quero fazer. Hoje “cortei” mais uns itens da lista coisas por fazer, o que significa que tenho mais alguns pequenos objectivos alcançados.

Nem de propósito. Dia 27 não sei onde estava, mas dia 26 estava aqui. Gosto de coerência e pelos vistos contínuo coerente comigo. Isso deixa -me feliz, descansada também, o meu projecto, a minha vida, segue em frente. Hoje esforcei-me, tentei, superei as dificuldades e sozinha montei e fixei o louceiro que comprei numa tentativa de remodelar a minha cozinha da forma mais barata que conseguir. Pelo menos até agora ainda não caiu. Se cair é lidar com o erro que terá sido meu e voltar a tentar.