Cuidar significa ter cuidado

Há uns dias que os meus bichanos andavam mais calmos. Talvez estejam a crescer, pensei eu. Só que de há 3 dias para cá, para além de andarem mais calmos, a malga da comida não baixa por aí grande coisa. De há 2 dias para cá, aparece vomitado, ora aqui, ora ali, ora que isto deixou de me parecer normal! Vou à internet e descubro aquilo que já sabia e que acontece em relação aos adultos, há informação para todos os gostos e feitios e eu que sou uma desconfiada-mor prefiro confiar nos meus instintos de dona. Os gatos vomitam, é normal, vomitam espuma, comem ervas e vomitam, as bolas de pelo resultantes das suas higienes também os fazem vomitar, mas os meus gatos andam com alterações de comportamento e diminuição de apetite e o meu bom senso diz-me que o que eles necessitam é veterinário. 

Este ano já fui mais vezes ao veterinário do que ao pediatra. É que de miúdos eu percebo, mas de gatos sou “dona de primeira viagem”.  Ainda bem que inventaram de permitir que as facturas de veterinário já entrem nas contas de IRS. É que por muito que os veterinários sejam  atenciosos ao facto de serem 3 bichanos , na farmácia não existe SNS para medicamentos de uso veterinário e temos que os pagar . Caramba, tanta coisa com os direitos dos animais mas muitas pessoas não fazem a mínima ideia da despesa que poderão vir a ter quando adquirem um animal, nunca ninguém se lembra dessa informação pertinente. Eu até fazia, pelo menos em alimentação porque sou assinante das revistas da DECO e li um artigo sobre isso.

Não me estou, portanto, a queixar, estou a constantar um facto 😁 . Na farmácia ainda tive um desabafo : Não me faltavam os miúdos ainda fui de inventar de ter 3 gatos!!!! A verdade é que a minha vida é muito melhor desde que eles estão cá por casa. Tudo isso vale a pena. Os meus bichanos já fazem parte da família. 

Resultado/ diagnóstico: Os bichanos estão constipados, espirram ( e eu a pensar que isso sim, era normal !!) e as diferenças de temperatura não lhes estão a fazer bem. O que me lembrou que está na altura de vacinar o meu Rodrigo. Vai começar a treinar à chuva por isso é o único cá em casa que é essencial vacinar. ( Para além dos gatos, mas essa fase já passou, agora é só a desparasitação, imprescindível para eles e por causa dos miúdos).

Bom, agora é arranjar um(a) voluntária à força para dar a medicação aos bichanos no sábado, porque não vou estar em casa ( avó Teté, tia Ruth, esta dica é para vocês) e esperar sinceramente que as tartarugas não se constipem também, senão o mês fica só por conta dos bichos, nesta casa. Eheheheh!!!