Com um sorriso no rosto


Amanhã é dia de praia. Anseio por uma daquelas manhãs de maré rasa. Por poder caminhar e tomar banho e tirar fotos e fazer de conta que o tempo não passa, que ainda sou a mesma menina que aprendeu a nadar naquela maré rasa, entre brincadeiras e vontade de enfrentar o desconhecido. 

São essas manhãs e as tardes, em que o sol se perde para lá do horizonte, enquanto eu, estendida na toalha, ouço o marulhar das ondas, que me fornecem o combustível que permite energia para enfrentar anos inteiros de uma vida completamente desarrumada, com tudo fora do lugar.

 É preciso muito combustível para vencer a inércia que muitas vezes me aborrece. É nos dias de praia que a coragem e a vontade se acumulam para enfrentar o que tiver que ser. Amanhã quero que seja um desses dias.